Cartão de crédito: Digio fecha parceria com Livelo e disponibiliza programa de pontos para clientes

Programas de prontos para clientes sempre vêm com uma ideia interessante; neste artigo é possível conhecer o da Digio.

 A Digio é uma empresa de cartão de crédito que não cobra anuidade. Ultimamente, muitas empresas aparecem com as promessas de facilitar a vida do consumidor, e uma delas é a Digio, que acaba de fechar uma parceria com a Livelo para disponibilizar programa de pontos para os clientes.

Cartão de crédito: Digio fecha parceria com Livelo e disponibiliza programa de pontos para clientes
Foto: (reprodução/internet)

Como funciona?

Os clientes da Digio que têm um cartão de crédito com eles podem agora aderir ao sistema de pontos para clientes, que está presente em diversos outros cartões de crédito. Para isso, basta entrar no aplicativo da Livelo, que está disponível em iOS e Android.

Essa nova função é interessante por vários motivos. Em primeiro lugar, é preciso dizer que os gastos são contabilizados em reais, e não em dólares, o que é bastante diferente de outras opções do mercado. Todavia, é preciso pagar R$ 4,90 mensais para aderir ao programa.

 

As três modalidades

Na primeira modalidade, o valor da fatura vai ser convertido em 1 ponto a cada R$ 3, ao custo de 1,5% do valor da fatura. É possível conseguir 1 ponto a cada R$ 2, mas isso será feito ao custo de 2% do valor da fatura. E, no último caso, é possível conseguir 1 ponto a cada real gasto, ao custo de 3,5% do valor da fatura.

Para algumas pessoas isso pode ser vantajoso; mas, para outras, talvez não seja. Cabe à pessoa decidir se seus gastos permitem que ela possa se beneficiar com o programa de pontos fornecido pela Digio.

 

Vale a pena utilizar o serviço?

Pelo fato do programa de troca de pontos da Digio e Livelo só poder ser aderido por pessoas que pagam por ele, só quem pode decidir se o programa vale ou não a pena é a pessoa que pensa em contratá-lo.

Entretanto a dica para essa pessoa é que ela saiba se vai ou não usar muito o cartão de crédito, pois pessoas que gastam muito conseguem, por exemplo, trocar mais pontos. Para essas pessoas, pode ser bastante benéfico, pois, como gastam mais, adquirem mais pontos para trocar. Ainda assim, é possível fazer os cálculos para ver qual modalidade se encaixa mais no perfil da pessoa.

 

Esses pontos podem ser trocados pelo quê?

Assim como outros programas de trocas de pontos, é possível trocar os pontos conquistados — quando estão em quantidades suficientes — por estadias em hotéis pelo Brasil, passagens aéreas e recargas de celular. Além disso, é possível trocar até mesmo por eletrodomésticos e por vouchers da Uber.

Os valores para o dia 7 de agosto, por exemplo, permitiam que 900 pontos da plataforma do clube pudessem ser trocados por R$ 15 em uma linha telefônica. Já 1200 pontos eram o suficiente para trocar por um vale de R$ 20 da Uber.

O importante é fazer as contas sobre o quanto se gasta e em como os pontos serão trocados. Para que se tenha uma melhor ideia sobre se vale ou não usar o programa de trocas de pontos do cartão de crédito Digio.